sexta-feira, 28 de dezembro de 2018

Netanyahu: "Israel é a terra prometida e Brasil é a terra da promessa"

Primeiro-ministro reuniu-se com presidente eleito Jair Bolsonaro
Após encontro com o presidente eleito, Jair Bolsonaro, no Rio de Janeiro, o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, disse hoje (28) que a cooperação mútua entre os dois países pode trazer benefícios para as duas nações. "Israel é a terra prometida e Brasil é a terra da promessa. E o senhor se encabeça a boa gestão desse país para concretizar essa promessa. Israel quer ser parceiro do Brasil nessa empreitada. Entendemos que a nossa cooperação mútua pode render enormes benefícios aos nossos povos, na economia, na segurança, na agricultura, em recursos hídricos, indústria, em todos as esferas da atividade humana", afirmou.
Netanyahu disse que o encontro de hoje é um momento histórico para os dois países. “É a primeira visita de um primeiro-ministro de Israel ao Brasil na história. É difícil crer que não havíamos tido um contato antes porque os laços de amizade podem nos levar a longas distâncias.”

O primeiro-ministro informou que convidou Bolsonaro para visitar Israel para "avançarmos na cooperação e parceria". Bolsonaro aceitou o convite e disse que em março visitará o país junto com uma comitiva para tratar de tecnologia, agricultura, psicultura, segurança, Forças Armadas.

Visita

Netanyahu desembarcou no final da manhã de hoje na Base Aérea do Galeão, no Rio de Janeiro, para uma visita de cinco dias ao Brasil. No final da tarde, Netanyahu irá à sinagoga Beit Yaakov para a cerimônia religiosa do shabat. Bolsonaro deverá acompanhar a visita. 
No domingo (30), o primeiro-ministro se reúne com jornalistas, líderes da comunidade judaica e Amigos Cristãos de Israel. Na segunda-feira (31), segue para Brasília, onde acompanhará a posse de Bolsonaro no dia 1º de janeiro. Ele retorna para Israel de noite.

terça-feira, 20 de novembro de 2018

Bolsonaro diz que Brasil transferirá embaixada de Tel Aviv para Jerusalém

'Palestina primeiro precisa ser um estado para ter o direito de uma embaixada', declarou o presidente eleito ao jornal conservador 'Israel Hayom'. Ele também publicou mensagem no Twitter.

O recém-eleito presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, confirmou ao jornal "Israel Hayom" que transferirá a embaixada de Tel Aviv para Jerusalém. Depois, publicou no Twitter uma mensagem com a mesma informação (veja mais abaixo).

Ele também adotou uma postura dura com a Palestina, dizendo que não a reconhece como um país.

Bolsonaro afirmou que sua ideia de mudar o endereço da embaixada brasileira em Israel- seguindo os passos dos Estados Unidos e da Guatemala - não era só promessa de campanha.

"Israel é um Estado soberano. Se os senhores decidirem qual é a sua capital, nós os seguiremos. Quando me perguntaram durante a campanha se transferiria a embaixada se fosse eleito presidente, respondi sim. Vocês decidem sobre a capital de Israel, não outros povos", declarou em entrevista telefônica concedida ao jornal conservador.

A transferência da embaixada, que demonstra o reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel, é uma medida polêmica. Os palestinos reivindicam Jerusalém Oriental como capital de seu futuro Estado. A comunidade internacional não reconhece a reivindicação israelense de Jerusalém como sua capital indivisível. Entenda.

"Como afirmado durante a campanha, pretendemos transferir a Embaixada do Brasil de Tel Aviv para Jerusalém. Israel é um Estado soberano e nós o respeitamos.
— Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) 1 de novembro de 2018 "
https://twitter.com/jairbolsonaro/status/1058079511395401728 


Embaixada palestina
Questionado pelo periódico israelense se pretende mudar o status da Embaixada da Palestina em Brasília, ele respondeu:
"Quanto à embaixada da Palestina, ela foi construída muito perto do palácio presidencial. Nenhuma embaixada pode estar tão perto do palácio presidencial, então pretendemos mudar. Não há outro caminho, na minha opinião. Fora isso, Palestina primeiro precisa ser um estado para ter o direito de uma embaixada”.


Não foi a primeira vez que Bolsonaro adotou um tom duro com os palestinos. Ainda durante a campanha, ele declarou ao jornal "O Globo": "Essa embaixada palestina sairia dali. A Palestina é país? Nada contra o povo palestino. Quando estive em Israel, conversei com muitos palestinos, porque trabalham, ganham quatro vezes mais do lado de cá. Palestina não é um país".

O Brasil reconhece o Estado Palestino como país desde dezembro de 2010, após carta enviada pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva para o presidente da Autoridade Nacional Palestina, Mahmoud Abbas.

A ONU também reconheceu a Palestina como um "Estado observador" após aprovação em Assembleia Geral em 2012, cuja capital seria em Jerusalém Oriental. Os palestinos querem se estabelecer como um Estado soberano que ocupe a Cisjordânia, a Faixa de Gaza e Jerusalém Oriental. Os territórios foram ocupados por Israel após a Guerra dos Seis Dias, em 1967.

Apoio na ONU
No que diz respeito ao apoio de seu futuro governo a Israel em fóruns internacionais como as Nações Unidas, o político brasileiro afirmou que o país "pode contar com o nosso voto na ONU”.

“Sei que o voto é muitas vezes simbólico, mas ajuda a definir a postura que um país deseja adotar", afirmou.

Após a recente vitória eleitoral, o premiê israelense, Benjamin Netanyahu, felicitou Bolsonaro por telefone na segunda-feira (29) e o convidou a visitar Israel.

"Acredito que sua eleição levará a uma grande amizade entre os dois povos e ao fortalecimento dos laços entre o Brasil e Israel", disse o premiê israelense a Bolsonaro, segundo a Efe.

FONTE: G1
Vídeo

quarta-feira, 1 de agosto de 2018

72ª Assembleia Geral das Igrejas Batistas Regulares do Rio Grande do Norte

Acontecerá entre os dias 02 a 05 de janeiro de 2019, a 72ª Assembleia Geral das Igrejas Batistas Regulares do Rio Grande do Norte. O tema abordado será “Os planos de Deus: o maravilhoso propósito do Senhor para Israel, a Igreja e as Nações”. O Preletor será: Pr. Randall Cook.



sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Comemorados em 2017, 500 anos da Reforma Protestante são tema de conferência em Natal

Os 500 anos da Reforma Protestante, comemorada neste mês de outubro em todo o mundo, são tema de uma conferência que começa nesta sexta-feira (13), em Natal. O evento vai reunir pastores, professores e cristãos em geral interessados em conhecer essa história e debater as heranças deixadas pelo movimento religioso às igrejas cristãs.

O Brasil tem mais de 42 milhões de evangélicos, cujas igrejas surgiram da Reforma Protestante, de acordo com o IBGE. Somente em Natal, cerca de 20% da população professa ser evangélica.

A reforma é comemorada neste mês porque foi no dia 31 de outubro de 1517 que o monge Martinho Lutero pregou 95 teses teológicas na porta da Catedral de Wittemberg, na Alemanha. O ato marcou o início do movimento que ficou conhecido no mundo inteiro como Reforma Protestante e gerou transformações em doutrinas que duram até hoje.

Por causa da data comemorativa, a organização da 1ª Conferência Koinonia Jovem escolheu o tema “500 anos anos da Reforma Protestante - mandamentos e princípios” para o evento que começa nesta sexta-feira (13) e também vai durar todo o sábado (14). Além das palestras, haverá uma mesa redonda com pastores, historiadores e pesquisadores. O evento acontece no Lainas Place Hotal, no bairro Ponta Negra, Zona Sul de Natal e as inscrições custam R$ 60.

Doutrinas reformadas

Para o pastor Roque Albuquerque, da Igreja Batista do Calvário de Fortaleza (CE), apesar de ter mudado principalmente doutrinas e práticas religiosas, a Reforma teve muitas outras motivações. “Foram, por exemplo, razões geográficas e econômicas que fizeram com que as Nações Estado quisessem se libertar do domínio do imperialismo religioso católico. Também tem a causa moral, a devassidão, a maneira como muitos bispos e padres se conduziam em concubinatos e corrupção generalizada. Fatores que vão do social ao teológico, como a venda de indulgências”, explica.

 Palestrante principal do evento, pastor Roque é considerado uma das maiores autoridades do país no assunto. Doutor em Estudos da Linguagem e Filosofia, além de ser pós-doutorando pela Universidade de Minnesota (EUA), ele afirma que, para além das várias razões da reforma, pretende discutir trechos bíblicos e as mudanças mais marcantes provocadas por esse movimento de retorno às doutrinas ensinadas pelos apóstolos de Jesus Cristo no Novo Testamento.

“Para mim, um dos mais importantes é o sacerdócio de todos os crentes. Isso tem um grande impacto no mundo”, comenta o palestrante. A partir dessa perspectiva, o homem passa a não depender de uma instituição ou um líder espiritual para ter comunhão direta com Deus, sendo Jesus o único intermediador entre Deus e o ser humano.

“Esperamos que esse encontro possa acrescentar na edificação e no desenvolvimento da maturidade das igrejas, não apenas do solo potiguar, mas também dos nossos estados vizinhos e do Brasil inteiro”, afirma Ciro Peixoto, um dos coordenadores do Koinonia. Ele explica que as programações de 2018 e 2019 já estão em fase de conclusão para que as pessoas possam garantir espaço na agenda com antecedência.

Serviço

O quê: Conferência Koinonia Jovem: 500 anos da Reforma Protestante - mandamentos e princípios
Quando: Sexta (13), a partir das 19h; e sábado (14), a partir das 8h30. 
Onde: Lainas Place Hotel, Rua Pedro Fonseca Filho, 9028, Ponta Negra, Natal/RN
Inscrições: no local
Valor: R$ 60

FONTE: G1

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Revista Ênfase Cristã Disponível Para Download

A Revista Ênfase Cristã com edição mais recente, encontra-se disponível para download através do link abaixo:
https://goo.gl/WELy6H

Para visualizar o periódico on-line, acessar:
https://goo.gl/p6dbBi

Histórico:
Desde julho de 2015 encontra-se disponível online a Revista Ênfase Cristã. A mesma aborda diversos assuntos que relacionam o cristão nos temas: Igreja, História, Pedagogia, Música, Missões e Perfis/Entrevistas.
O periódico tem como editor o Pr. Charles Bronson Aquino do Nascimento, da Igreja Batista Regular Central de Mossoró. E conta com o apoio de especialistas e outros colaboradores dos temas acima.

terça-feira, 22 de agosto de 2017

Filme "Até o Último Homem"

Ótimo filme.
Mostra o comportamento de um Cristão em plena guerra.
Os Cristãos devem ou não usar armas?
O filme relata um excelente testemunho de um soldado crente e mostra o poder de Deus agindo através dele na guerra, salvando várias outras pessoas.

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Revista Ênfase Cristã

Desde julho de 2015 encontra-se disponível online a Revista Ênfase Cristã. A mesma aborda diversos assuntos que relacionam o cristão nos temas: Igreja, História, Pedagogia, Música, Missões e Perfis/Entrevistas.
O periódico tem como editor o Pr. Charles Bronson Aquino do Nascimento, da Igreja Batista Regular Central de Mossoró. E conta com o apoio de especialistas de outros colaboradores dos temas acima na publicação do periódico.

quinta-feira, 28 de maio de 2015

Como é a vida de um adolescente na Síria?

A Síria, país que ocupa a 4ª colocação na Classificação da Perseguição Religiosa 2015, tem enfrentado uma devastadora guerra civil há mais de quatro anos e a violência está tomando conta de tudo, afetando todas as áreas da vida da população síria
28_Siria_Oxfam
Samuel é líder de uma igreja em Aleppo, uma cidade no norte da Síria, não muito longe da fronteira com a Turquia. Ele se reuniu com adolescentes de sua cidade para perguntar a eles como estavam lidando com a guerra e como eram suas vidas no dia a dia. O grupo era composto por Abel*, Dani* e Josh*.
Como é um dia normal pra vocês?A: Chato. As coisas não fazem nenhum sentido. Todo dia é o mesmo tédio de sempre. Não há nada para fazer por nós e não há lugar para ir a não ser para a escola - se a situação permite. Não há nada além, nada de novo.
O que assusta vocês?
J: Bombas e foguetes.
D: A morte súbita de bombardeios e foguetes.
A: Para ser ferido de explosões e tem que ficar na cama. Eu me preocupo com a morte de minha família, de bombardeios e, em seguida, ficar sozinho. Além disso, a escuridão.
Quais são seus planos para o futuro?
D: Estudar e cursar uma pós-graduação na universidade e, em seguida, encontrar um emprego para trabalhar e ganhar a vida em um país pacífico.
A: Eu gostaria de continuar meus estudos em um país ocidental, para ter uma vida melhor. Além disso, eu gostaria de ter meu próprio negócio.
Qual é o seu sonho?
D: Ver a paz na nossa cidade. Realmente, eu gostaria de viver em país pacífico, onde não há guerra. Estamos cansados da guerra e da situação instável; queremos ir a um país seguro.
J: Eu sonho em ter um amigo fiel e uma vida alegre cheia de emoção.
Onde Deus está em sua vida?
A: Sinto Deus comigo na maior parte do tempo. Através dos milagres vemos que ele está nos protegendo. Mas eu tenho perguntas: o que acontece com aqueles que estão morrendo ou ficando feridos por causa de foguetes? Onde está Deus para eles?
O que vocês fariam se eu desse pra vocês 50 euros (aproximadamente R$150)?
J: Eu iria salvar metade, porque estamos em uma situação de guerra e nós não sabemos o que vai acontecer. Gostaria de tentar ajudar as crianças muito pobres.
D: Eu ia comprar algumas coisas novas pessoais e talvez eu daria uma parte do dinheiro para a igreja, para que eles para ajudar os necessitados.
Pedidos de oração
  • Peça a Deus pela segurança desses adolescentes e suas famílias que vivem em um futuro extremamente incerto. 
  • Clame para que a igreja local seja testemunho vivo do amor de Jesus para que muitos venham a conhecer a verdadeira esperança.
  • Suplique a Deus pelo fim da guerra e da violência na Síria.
*Nomes foram alterados por motivos de segurança.
FontePortas Abertas Internacional
TraduçãoVivian Coutinho

FONTE:
PORTAS ABERTAS. Como é a vida de um adolescente na Síria? 2015. Disponível em: https://www.portasabertas.org.br/noticias/2015/05/como_e_a_vida_de_um_adolescente_na_siria>. Acesso em: 28 maio 2015.

quarta-feira, 8 de abril de 2015

Provas da Ressurreição de Jesus

O Pastor José Soares da Igreja Batista Fundamentalista de Santa Cruz/RN publicará uma série de vídeos com a mensagem da palavra de Deus. Nesta semana , dia 02 de abril, foi publicado a segunda mensagem com o título "Provas da ressurreição de Jesus".

sábado, 4 de abril de 2015

Significado da Páscoa

O Pastor José Soares da Igreja Batista Fundamentalista de Santa Cruz/RN publicará uma série de vídeos com a mensagem da palavra de Deus. Nesta semana , dia 02 de abril, foi publicado a segunda mensagem com o título "Desvendando a Páscoa"
 

terça-feira, 31 de março de 2015

Certeza de Vida Eterna - Vídeo Abertura

O Pastor José Soares da Igreja Batista Fundamentalista de Santa Cruz/RN publicará uma série de vídeos com a mensagem da palavra de Deus. Nesta semana , dia 26 de março, foi publicado a primeira mensagem com o título "Certeza da Vida Eterna". De acordo com o Pastor será publicado uma mensagem por semana no seu canal do Youtube.